Obesidade infantil: Veja os sintomas e tratamentos da doença

A obesidade infantil afeta cada vez mais criança em todo o mundo, é uma doença preocupante. E está cada vez mais presente nos lares brasileiros.

 

O que é Obesidade infantil?

A obesidade infantil ocorre quando a criança está com o peso maior que o recomendado para sua idade e altura. Esse excesso de peso pode ocasionar problemas para a criança até a sua vida adulta.

Doenças como diabetes, hipertensão e colesterol alto são algumas consequências da obesidade infantil quando não tratada a tempo, além de proporcionar falta de auto estima e até depressão.

Tipos de obesidade infantil

A obesidade infantil pode ser classificada em três tipos:

  1. Homogênea:Quando a gordura está depositada de forma homogênea, tanto em membros superiores e inferiores e na região abdominal.
  2. Andróide:É a obesidade em formato de maçã, quando há um acúmulo de gordura na região abdominal e torácica.
  3. Ginecóide:Quando existe um acúmulo de gordura na região inferior do corpo, se concentrando nas nádegas, quadril e coxas.

A obesidade do tipo androide é considerada a mais perigosa, pois afeta diretamente os órgãos internos quando apresenta um índice elevado de peso, além de intensificar a possibilidade de riscos cardíacos.

 

Causas da obesidade infantil

Existem vários fatores que podem levar a obesidade infantil. Os mais comuns são:

·                 Fatores genéticos;

·                 Má alimentação;

·                 Sedentarismo;

A obesidade infantil também pode ocorrer em virtude de alguma condição médica, como doenças hormonais ou uso de alguns medicamentos.

Também pode ser determinada pelas condições da gestação da criança, quando a mãe está obesa, sofre de diabetes gestacional ou não tem os cuidados recomendados de alimentação e exercícios neste período.

Porém isso não significa que todos os pais e mães com obesidade também terão filhos com o problema, pais e mães com peso recomendado também podem gerar filhos com obesidade. Isso porque a obesidade infantil também tem ligação com os hábitos alimentares da criança e da família, bem como a realização de exercícios.

Sintomas de Obesidade infantil

Não existem sintomas específicos para a obesidade infantil, normalmente os primeiros indícios do problema são aparentes no corpo da criança.

Porém é sabido que a obesidade infantil pode gerar cansaço, limitação de movimentos, suor excessivo, e dores pelo corpo.

 

Como tratar a obesidade infantil?

A boa notícia é que a obesidade infantil é tratável, ou seja, reversível, e a forma mais eficiente de conseguir bons resultados e através da reeducação alimentar e a prática de atividades físicas.

É importante consultar um especialista, para realizar o acompanhamento necessário. Dietas caseiras podem trazer problemas nutricionais e até de desenvolvimento para as crianças.

O tratamento da obesidade infantil deve ser progressivo e não agressivo, evitando afetar outras áreas da vida da criança. Assim o processo é lento e constante.

Se você deseja ajudar o seu filho, mantenha uma rotina diária de exercícios, garanta que seu filho esteja em movimento.

Além disso, ofereça a ele uma alimentação saudável e rica, coloque cores no prato do seu filho, e busque alternativas para incentivar o consumo de alimentos mais saudáveis.

 

Com a saúde não se brinca, mantenha bons hábitos e mantenha o seu filho longe da obesidade infantil. E lembre-se que a criança aprende pelo exemplo!